Da quarentena

Em muitos aspectos, por aqui, a vida não parou. Não é querendo desdenhar dos quarenteners, mas nunca trabalhei tanto nessa vida. Minha romantização do home office morreu em 2020, quando descobri que a gente acaba trabalhando muito mais do que deveria e, por vezes, produzindo até menos. Ainda não consigo acreditar nessas palavras saídas da minha boca, mas sinto falta. Sinto falta do escritório, das pessoas, da minha mesa, dos almoços, de expulsar quem insiste em ficar só mais 5 minutinhos na sala de reunião que você reservou com antecedência.

O escritório agora invade a santa paz da minha casa e sinto-me de prontidão 24-7. O expediente corre noite adentro, porque me sinto culpada (pasmém) de sair daquela cadeira às 5. Eu ainda tenho um ofício, afinal, e deveria ser grata por isso.

Work-life balance não há. Saúde mental muito menos.

Saudade dessa vista, né minha filha?

4 comentários

  1. Nossa, entendo muito!

    Eu tô morrendo de saudade do escritório, da cadeira maravilhosa que tenho lá, das pessoas e da interação...
    Agora comecei a acostumar mais com parar no horário certo (com despertador mesmo, pra me controlar!), e tenho a sorte de trabalhar em um lugar mega tranquilo e preocupado com isso... Mas no começo tava fazendo no mínimo umas 3 horas a mais por dia também.

    Espero que consiga se ajeitar melhor por aí e que tudo isso passe logo
    Abraços!
    A Menina da Janela

    ResponderExcluir
  2. no começo eu tava assim, não seguia o horário certinho. sempre fazendo uma coisinha aqui e outra ali etc. é muito fácil a gente perder noção do tempo, trabalhar demais, esquecer de comer né? caramba! o que me salvou aqui é o meu parceiro que tá sempre pegando no meu pé com "não vai parar? tá na hora de comer". além da chefa que me manda ir descansar quando pergunto coisas no horário do almoço e pós expediente. ai eu penso, caralho, eu tenho muito sorte! e ainda assim é fácil se perder, a desromantização vem, o cansaço vem, a culpa vem. me diz, why diabos a gente é assim né?

    ResponderExcluir
  3. desde que comecei a trabalhar em casa luto pra conseguir ter uma rotina saudável, mas é difícil DEMAIS. a gente acaba trocando o dia pela noite, perder o foco é muito mais fácil e ser improdutiva também (afinal, muitas distrações, haha). mas, comparando com a rotina que eu tinha aqui em sp trabalhando fora, tenho muito mais paz (especialmente por não ter que sofrer por horas no transporte público lotado e estressante). minha maior saudade nesse momento de isolamento é poder sair pra trabalhar em algum café que eu gosto quando tô de saco cheio de ficar em casa (além de sair pra fotografar também, né haha).

    ResponderExcluir
  4. Que vista incrível! Mas super te entendo.. sinto falta do escritório, dos cafés e almoços com colegas, de botar um salto hahaha.. Mas me adaptei bem ao home office, e acho que quando isso tud o acabar, optarei por ficar uns dias da semana em casa.

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.